11 de mai de 2009

coisas de belem , as farinhas e tapiocas e a mansidão do rio guama





















Cheguei de belem ontem , que fica nas beiras do rio guama , decheiro e cores inconfundiveis , andei pelo ver o peso , cheirei o cheiro dre suas raizes , pimentas e tambem suas comidas , hoje vou descrever uma em particular , uma sobremesa dos deuses ou melhor das coisas daquela terra.

SORVETE DE TAPIOCA COM GOIABADA

- derrete um bom pedaço de goiabada e coloca em um prato
- coloca uma colher de requeijão por cima
- deitar em cima desse simpatico e apetitoso casal uma bola de sorvete de tapioca

o quente da goiabada casado com o gelado do sorvete e para quebrar aquele doce o requeijão , só vai faltar o visual das manqueiras balançando e do rio guama com toda sua preguiça dançando no aparador , e eu me encanto cada dia mais com esse canto de nossa terra.

Tambem vai fazer falta o casal de amigos paraense Renato e Adriany que me remetem na estoria de minha adolescencia pois la estive ha 30 anos , curtindo os arroubos pp. da idade.


Barrinha MaynaBaby


BELEM DO PARA

semana passada estive outra vez em Belem , sempre vou a trabalho mas nunca deixo de lado as delicias daquela terra, seu cheiro denso que se perde nas lembranças ou melhor que entra no coração e faz sair dele o suspiro de uma saudadde. As vezes ,sentada de frente para o rio no cais do ver o peso , ou debruçada na marquise atras das barracas de suas tipicas comidas ,consigo sentir minha mocidade , meus anos de amores perdidos no tempo ,as promessas de um amor que o tempo se encarregou de guardar bem no fundo do bau de recordações, era o ano de 1975 , eu la estava vivendo meu primeiro grande amor , dançava carimbó em rodas alegres e coloridas , comia tacaca na madrugada da praça do teatro da Paz, , amarrava saquinho de cheiro na beirada da saia , enchia a bolsa de cheiro do Para , comia mangas que caia na rua , tudo sem o compromisso que hoje me faz voltar aquela cidade ,o unico compromisso naqueles finais de semana em que ia a Belem era o de viver , beijar , estar feliz ,tomar cerpinha , tacacá, dançar numa roda de carimbó , casquinha de caranquejo no bar dos canhões, ver o por do sol no rio , debruçada no ver o peso ...........................................Não tenho mais o fim de semana para falar de amor , mas aindafalo do meu amor por essa cidade e seus lugares................................







hoje vou falar do filhote ao molho de tucupi






Essas coisas são muito serias e tem todo um ritual a ser cumprido .esse peixe chegou cedo de madrugada no Ver o peso , não tem nada de congelar ,carregar em sacos ,viajar kms , nadica ele sai do rio e vem para essa panela , sem aquele cheiro e gosto de peixe rançoso , não posso trazer essa paisagem mas vou dar essa maravilha de receita , que qualquer paraense espalhado pelo mundo ou da cidade sabe fazer e vai recordar aqui .
pegamos o filhote ou pescada amarela e cortamos pedaços generosos ,
tempera com sal , folhas de chicoria , pimenta de cheiro
passa na farinha de trigo e frita
numa panela colocamos o tucupi com folhas de jambu , sal ,para ferver , no ponto colocamos as fatias grossas de cebola
colocase os pedaços de peixe frito quando o olho estiver no ponto e a cebola amolecida sem cozinhar demais ,
podemos colocar batatas cozidas tambem para ferver nesse molho .
e esta pronto
o cheiro é um poema , o gosto não consigo descrever , é uma combinação perfeita desse bouquet de aroma ,
não coloco arroz , nesse caldo que abocanho as colheradas por vezes uma farofinha que só no para consigo comer igual, e aí a cerpinha gelada vai refrescando a boca do sabor do jambu , se é que precisa refrescar alguma coisa...................................alias a ardencia do jambu é algo excitante ............para fazer querer comer mais e mais .
Não podemos esquecer da paisagem a linda e pacata cidade de Icoaraci , quase um bairro de Belem , com o rio serpentiando preguiçosamente ao nosso redor , e depois desse prato é dificil chegar ate o hotel para dormir o sono dos justos......................
ate a proxima viajem a belem
vou falar de um peixe que comemos de pé nas barracas do ver o peso as 10 h da manha é isso mesmo é como um cafe da manha ..........no Para










3 comentários:

Neusa disse...

Olá, coloquei a foto se não ficou boa essa, me diz que eu troco.
o blog esta ficando legal e esta receita deve ser muito boa!
Bjus

soraia disse...

eita adoro goiaba.. acertou em cheio nessa..
beijos soraia

Soxikibem disse...

Uau, muito legal, eu fiquei espantada com os termos que eram usados, muito interessante quero voltar mais vezes para ver as novidades...parabensssssssss

Meus Vídeos

Loading...