17 de jul de 2009

GOIANIA , seu povo , suas comidas

GOIANIA , GYM




No centro oeste do Brasil , coração do cerrado , seu ar seco , de um ceu ao amanhecer como não ha em nenhum lugar .

pela manha a barra do dia começa a ficar vermelho ,alaranjado , amarelo e depois se encontra todas as nuances de azul ate estourar naquele ceu anil , são minutos pela manha quase de madrugada que nos desperta para um dia de sol forte e um calor , não quente na pele , mas no coração das pessoas hospitaleiras , amaveis e sempre com um sorriso largo , para te receber.



fui a trabalho , mas foi tambem um prazeroso passeio , não esqueço que nos idos anos 70 estive , ainda estudante desbravando essas terras ,mas essa e outra estoria .


Estive lá no EMPADÃO GOIANO , http://www.emapdaogoiano.com.br/,




Luiz, Leila, Marcelo , Eduardo ou Roberto ( troquei o nome de prmeira e aí ate agora não sei o certo) já me desculpei pela sempre falta.



Dª. Maria do Rosario , capitulo á parte ,e sua mãe Dªlourdes .



Goiania , é a terra de iguarias como biscoito de queijo , doce de cajuzinho , gauriroba ou gariroba ou gueroba , não importa o nome ou apelido que se de ao manjar dos deuses goiano , empadão goiano para muitos empada que considero uma ofensa pois essa iguaria é unica, ambrosia com casca de limão china, pamonha de doce , pamonha de sal,e tudo , tudo mesmo regado a melhor hospitalidade que se possa esperar .

não vamos falar do trabalho , esse é assunto que não cabe nesse nosso assunto .




vamos falar disso ;















































o EMPADÃO GOIANO



Pense numa massa fina sequinha , agora cheia de nacos de carne de porco , frango , linguiça daquelas finas e saborosas, guariroba, queijo meia cura chamado de mineiro ,mas os melhores mineiros são os produzidos no Goias ( essa é outra estoria) , tudo bem generoso e regado num molho de tomate grosso espesso e cheiroso , põe uma tampa de massa em cima , faz uma trançinha caprichada e põe no forno .




Bem o resto fica por conta ,que só em descrever estou salivando .







Esse empadão é tradição na região , mas a estoria de Dªmaria começa aqui ela conseguiu fabricar em uma escala grande e preservou a tradição , merito só dela , pois quando estava no aeroporto para voltar e o avião atrasou minha gula me levou a comer uma daquelas que no balção de qualquer aeroporto é vendido como "especiaria local ", me desculpem mas nenhum turista pode ter ideia do que é um verdadeiro empadão goiano .............quem estiver em goiania não deixe de provar é um sabor maravilhoso .........









MAS TRABALHO A PARTE






NÃO FOI NENHUM TRABALHO COMER ESSE EMPADÃO !





Fui convidada a almoçar com Luiz e sua familia , uma tipica refeição do cerrado goiano , coisa de minha infancia já que minha mineirice é bem vizinha de goias, e ainda por cima com o direito de escolher o cardapio , coisa dos deuses , pois à muito , mas muitos anos que não comia a combinação de guariroba ao molho , guariroba refogada , arroz e abobrinha .





VEJA;































GUARIROBA:




TIPO de palmito só encontrado no cerrado é nativo , meio amrago , de consistencia parecida com o palmito , acho mais saboroso , pode ser preparada com molho de tomate ou só refogada com temperos , dª lourdes preparou as duas para mim , e a abobrinha e giló , logico que só consegui registrar o feito depois de muito saborear .





para preparar.


fatia a guariroba
ferventa na água com sal , dizem que sai um pouco do amArgo

depois refoga com os temperos de preferencia e coloca aos poucos um fio de água que é para cozinhar bem e leve .

pode colocar molho de tomate nessa hora

os pedaços mais grosso a gente chama de coração eles são mais macios , mas o sabor de todos para mim é maravilhoso .

deve ser digestivo pois é costume comer esse "palmito" com carne de porco.

depois dessa festa de guarirobas , gilos , banana frita , abobrinha , veio a parte os doces








pense : Ambrosia com leite de garrafa ( tirado da vaca sem intermediações) e casca de limão china .












Essa é Dª. Loudes , ela fez esse manjar do deuses para min:





ambrosia é um doce que traz muitas lendas , chamado de espera marido , nos cantos da minas gerais ,talvez por ser tratar de um doce de feito ate ligeiro , por ser farto e suculento , ou seja lá pelo motivo que for o apelido é registro de minhas memorias de infancia










RCEITA DE UMA AMBROSIA BEM TRADICIONAL :


aqui vai uma medida pequena para 4 pessoas mas pode dobrar que da certo .


coloque numa panela alta e grande


um litro de leite

2 chavenas ( xicara de chá ) de acuçar

põe para ferver e engrossar


bate 4 ovos bem batidos clara e gema


coloca esse ovo batido dentro desse leite


quando levantar esse ovo corta o meio dele com a colher


deixe ferver e acrescente casca de limão china , esse é aquele limão de casca amarela é bem saboros para sucos , se não tiver uma casquinha de laranja, um pau de canela tambem é bom .

quando tiver tudo bem encorpado desligue e coloque numa tugela funda polvilhe canela por cima


Dª. Lourdes , sua ambroisa estava maravilhosa , pena que a guariroba foi em excesso !!!!!



Teve tambem o doce de figo com queijo fresco , mas nen pense que esse queijo é o minas frescal que estamos acostumados , é um queijo vigoroso , denso , um gosto primoroso com o doce de figo





viu só o tamanho dos potes de doce , e o queijo minas, essa é Dª Maria do rosario e DªLourdes , mestras nas artes dos doces de verdade e isso é passado de mãe para filha nas terras do Brasil Central e lá o visitante é recebido assim com mesa cheia ..............................foi uma imensa satisfação eu ter feito parte dessa mesa .


30 de agosto de 2009




Pois bem depois de uns 40 dias VOLTEI A GOIANIA , força do trabalho , das finalizações dos reencontros , a prosa ja veio mais mansa e gostosa , Marcelo ja mais acostumada com o afobamento que eu ja adquiri nessas terras paulistas , com o ontem para agora ......................
O clima estva menos seco , frio para os nativos locais 24ºC sendo que sai de sampa com 10ºC , então eu estava no paraiso ............................



FAMILIA BARSH



Nessa ida minha encontrei ou melhor reencontrei meus velhos amigos , para localizar minha cabeça no tempo e no espaço mais no tempo..........



recordando :




Nos idos do final da decada de 70 meu avó comprou um apartamento para minha mãe , na cidade onde fui criada fiz minha iniciação academica , digo inicio pois ate hoje estou as voltas com livros e pos e mais graduações e enfim adoro esse tal de livros e de estudo ,
pois então continuando a prosa , foi no Bairro Martins , longe do centro ( 8 quarteirões) para os padrões da epoca , fora das tradicionais familias , do reduto dos "Marquez", e de outras quatrocentonas familias locais .
era um charmoso predio de 24 apartamentos

5 de jun de 2009

Receitas De Sopas Para O Frio

No inverno nosso corpo pede um alimento quente , sentimos necessidade de um chocolate , doces enfim precisamos fabricar mais calor e isso demanda energia que conseguimos também através de um bom caldo quente .


Então vamos as receitas simples e básicas.



CALDOS - BASE PARA SOPAS DELICIOSAS


Nesse tempo costumo toda semana ou quando posso preparar caldos e deixar congelados ou numa vasilha tampada na geladeira quando faço uma quantidade para 2 ou três preparações , aqui em casa somos dois comensais portanto prefiro deixar congelado , coloco nas forminhas de gelo , ou em pequenas porções que depois de congeladas ponho no saquinho plástico e armazeno sempre na quantidade para fazer para duas pessoas se vier mais gente tiro dois saquinhos .
A quantidade ideal e de 4 copos grandes para fazer uma generosa sopa para duas pessoas, não esqueçamos que o caldo vai reduzindo quando ferve e cozinha os outros ingredientes.

CALDO DE FRANGO:
Quando vou ao supermercado compro asas de frango pé , ou se compro um frango inteiro, aqui só consumimos o peito e coxas , guardo a carcaça no frezzer , isso no verão .
hoje fiz um bonito caldo assim ;
uma carcaça de frango , dois pés e o pescoço isso foi a sobra de um frango a molho pardo que fiz para minha tia , um frango de granja, mas criado no quintal de uma vizinha pesou quase 4 kg então era bem suculento .
  • coloquei mais ou menos 3 lt de água , talo de salsão ,uma cebola cortada em cubos grandes , sal


( o salsão eu compro um pé grande limpo corto os talos das folhas e congelo para colocar em sopas no arroz em carnes cozidas da um sabor especial).

  • deixei na pressão por 30 minutos.


  • depois de frio separei as carnes dos ossos , retirei peles , ossos os talos de salsão e um pouco da gordura que estava por cima .


  • sobrou o caldo e os pedaços da carne que estavam grudadas nos ossos , caldo suculento saboroso e pronto para ser usado , separei nas vasilhas quantidades para preparar depois as minhas sopas como disse mais ou menos 4 copos por porção , coloquei para congelar , amanhã coloco nos sacos plásticos e estou com um belo caldo para fazer sopas .



CALDO DE LEGUMES

Quando vamos ao supermercado sempre damos uma olhada na geladeira , uma acelga meio murcha , salsão que não da mais para salada( ou uso aquele congelado) cebola , tomate , salsinha amarela, pimentão murcho , enfim não esta em condições de salada e não podemos jogar fora então PANELA NELES!
basico :

3 tomates

2 talos e salsão

1 cenoura

salsinha

1 pimentão

meio pé de acelga

um pedaço de repolho

3 cebolas

Coloque 3 lt de água pique bem todos esses legumes coloque uma colher de sal , uma colher de óleo e deixe ferver por 30 minutos na pressão melhor, em panela sem pressão por 50 minutos


Escorra no utensilio para macarrão e guarde para preparar as sopas no mesmo sistema do caldo de frango


CALDO DE CARNE
Sabe aquele churrasco que você fez e sobrou pedaços de carne assada muito dura , ou a peça de alcatra para bife que depois de limpa ficou uma gorduras e uns pedaços de carne sem muito aproveitamento , ou você vai ao açougue e peça meio kilo de uma carne de segunda.

  • Corte em pedaços pequenos essas carnes pode até misturar a carne assada do churrasco com a do açougue ainda crua , coloque 2 cebolas cortadas ao meio , dois talos de salsão com folha e tudo o mais , sal uma colher de sopa cheia , uma cenoura em rodelas , um tomate em pedaços ,


  • Coloque na panela de pressão com 4 lt de água .


  • Cozinhe por uma hora em fogo baixo


  • Separe o caldo e guarde no processo ja conhecido .


Os pedaços de carne que estão inteiros ou meio esfarelados separe em pequenos saquinhos e também congele .

AGORA QUE TEMOS 3 CALDOS MARAVILHOSOS GUARDADOS NOSSO INVERNO DE SOPAS ESTA GARANTIDO AS COMBINAÇÕES SÃO FACEIS E O PREPARO DE CALDOS GOSTOSOS E QUENTINHOS PARA SUA FAMILIA SERÁ PREPARADO EM POUCO TEMPO .

Vamos aos poucos dando sugestões de como preparar sopas maravilhosas e suculentas para uma duas ou dez pessoas .

SOPA DE FEIJÃO


Tradicional prato da nossa mesa com arroz , com verduras enfim , o inverno transforma-se numa otima opção para deliciosas sopas.
PARA DUAS PESSOAS:

uma concha grande de feijão ou 2 copos (aquele da geladeira )
batemos tudo no liquidificador bem batido .
colocamos numa panela adiciona- se duas medidas de água
duas colheres de cebola bem picadinha
um envelope de caldo de legumes ou de carne
uma colher de azeite

colocamos para ferver, depois de uns 5 minutos ( fogo baixo)

colocamos um punhado de macarrão para sopa

mexa bem ate cozinhar o macarrão prove o sal , ajusta se desejar

colocamos salsinha picada

esta pronto para servir

VARIAÇÕES

depois de ferver bem esse caldo de feijão podemos:
  • colocar uma colher de arroz e bacon frito picado ( sopa à brasileira)


  • colocar batatas em cubos pequenos


  • cenoura ou qualquer outro legume que tenha cozido na geladeira


  • repolho bem picado e finimho



IMPORTANTE
Nesse preparo é sempre importante deixar ferver bem o feijão batido com a cebola azeite e o caldo para realçar o sabor o caldo ira engrossar quando colocar o macarrão arroz ou qualaquer outra mistura que desejar
sirva regado de azeite ou com queijo ralado .


Capelleti in brodo


Essa é uma especialidade italiana , e eu amo fazer e tambem saborear .
Tenho sempre no meu frezzer massas frescas congeladas , meu amigo , cliente e fornecedor mauricio e sua mãe fazem com maestria essa iguaria , então para preparar esse prato levo minutos ( ligue por mauricio ele pode te dizer onde comprar perto de sua casa ou ele te entrega ):

  • para cada pessoa coloco 5 capellet ou ravioli


  • coloco no fogo o caldo de frango congelado considerando que coloquei 4 copos por porção para congelar é o suficiente para duas pessoas ou ate tres dependendo do que e de como vai servir .


  • deixe ferver bem o caldo experimente o sal


  • quando ferver por uns 3 minutos coloque a massa ainda congelada


  • ao levantar a fervura espere um pouquinho uns 3 minutos .


  • pique salsinha ou cebolinha coloque e desliga a panela


Sirva o caldo com os 5 capeletti por pessoa , salpique queijo ralado se quiser
numa tigelinha fica lindo !!!!!!!!!
Se não tiver feito o caldo de frango vamos a um truque rápido
Coloque 4 copos de água para ferver dissolva um pacotimho de caldo de frango em pó , em cubos não fica bom ,coloque uma colher de cebola bem picadinha ,um colher de manteiga ,não pode ser margarina!!!!!!, um tomate cortado em cubos pequenos sem a semente , deixe ferver , experimente o sal se esta a seu gosto , coloque a massa e deixe ferver por mais 3 minutos .
PODEMOS também fazer esse brodo com caldo de legumes ou carne e o sabor do capelleti ou ravioli e a seu gosto , eu gosto de capelleti de ricota com caldo de frango o que eu preparo ............

Bem e de tanto falar em sopinhas gostosas e caldos fumegantes vou encerrar por aqui pois hoje vou preparar um brodo de frango com legumes e feijão branco um tipo minestrone , se ficar bom mesmo amanhã eu reparto com vocêrs ...bom apetite!

1 de jun de 2009









RECEITAS
PARTE I - BASICAS


PARTE II- ELABORADAS

( para quem ja convive bem com as panelas)

A receita é sempre uma coisa meio padrão e eu que tenho um pé na cozinha (alias a mão , o braço , tudo) vejo uma receita e sei se esta certa ou errada e imagino quem não tem habilidades ou muita convivencia com as panelas se atrapalhar na hora da execução .
Vou então tentar nesse nosso caderno de receitas facilitar para quem não sabe e ser bem direta para quem ja opera bem as panelas.
Dicas de como fazer para melhorar o sabor da comida trivial , e economizar o tempo de estada na sua cozinha.


PARTE I-


ARROZ BRANCO
uma medida de arroz
duas medidas de água
sal
alho
oleo

MODO DE PREPARO
Frite o alho e a cebola , coloque o arroz , deixe fritar mexendo sempre.
coloque o sal .
coloque a água quente
quando ferver abaixe o fogo
quando estiver secando coloque meia medida de água
mexa o arroz
espere secar um pouco a água desligue o fogo e deixe a panela tampada por 5 minutos ,
mexa o arroz e ESTA PRONTO .
DICAS
cada duas xicaras de café serve uma pessoa.
uma colher de cafe de sal tempera uma porção de arroz
sempre fazer o arroz em uma panela maior que a quantidade a ser feita , a comida precisa de espaço para se acomodar na hora do cozimento
ENTÃO para duas pessoas
uma xicara de cha de arroz
uma colher de cha de sal
2xicaras de água quente (cheias)
um dente de alho
uma colher de cebola picada
depois mais meia xicara de água fria
e é só seguir o modo de preparo e aumentar a quantidade de arroz e água se aumentar as pessoas ao redor da mesa

31 de mai de 2009

AGUAS DE LINDOIA


Cada canto desse mundo tem um cheiro como no filme " o perfume" em que o protogonista queria reproduzir o cheiro da luxuria , da beleza no total são 7 cheiros ,notas essencias para criar seus perfumes.
Em cada canto que nos vamos encontramos um cheiro , um sabor , um vento que sopra e nos permite catalogar ,identificar no nosso arquivo de memoria ,para sempre os momentos que passamos em um determinado lugar .
Ontem fui a Águas de Lindoia , uma estação termal perto de São Paulo , uma media de 150 km da capital ;bem experimentei na estrada paisagens e vales lindos se houvesse neve no pico das montanhas poderia estar descendo de trem da suiça para italia passando pelo lago Como , ou poderia tambem imaginar o caminho de treviso para cortina d'ampezzo na italia, ou visualizar os montes bozzano ........................só diferencia esses cantos do mundo seu cheiro ,sua comida , o perfume de cada canto do mundo ..............vou falar desses perfumes ............de seus temperos suas comidas ...........vou escravunchar os arquivos de memoria ......................

14 de mai de 2009

COMEMORAÇÃO

um delicioso doce de baba de moça fez o recheio ,delicadas flores fez a cobertura de fino açucar , Para cada um de voces um delicado pedaço dessa comemoração que reparto com todos, nesse nosso duradouro e feliz casamento


estou iniciando, inaugurando ,abrindo as portas para todos voces que gostam de saber das coisas :

cheirosas, gostosas, das janelas desse mundo , de uma caminhante , seja nos livros seja nos escritos que recolho por todos os cantos , seja nas minhas andanças .....................................



SEJAM BEM VINDOS


vamos espreitar o fundo das panelas, raspar o tacho , encher o embornal, pegar a algibeira e caminhar.....................................


13 de mai de 2009

cheiro da terra













pela manha quando acordo o ar umido ainda do orvalho da noite ,realça o cheiro da terra ,e os aromas me trazem as lembranças , o olfato é um dos meus sentidos que aciona meu arquivo de recordações .

a fumaça densa que sai das panelas quando ao redor estão as pessoas queridas, as conversas enroladaos ,o riso solto , ou as minhas andanças pelos mercados dos cantos do mundo , respira fundo e nessas fotos estão o cheiro da pimenta ,das ervas e verduras usadas nesse canto do mundo .

tem tambem o cheiro de aniversario , do bolo de confeito , da feijoada com os amigos, o cheiro de domingo de pascoa , do natal , .Por vezes não conseguimos nos lembrar dos presentes que ganhamos em alguma dessas datas mas por certo recordamos da mesa ,dos aromas que dela sai............manha de cheiros ,de minha janela vejo o cheiro de alfazema , de lima ,das flores do esqualido pe de maça, da ameixeira , e no fundo a dama da noite que ao amanhecer se recolhe para seu merecido descanso .............................

12 de mai de 2009

Pesos e Medidas

Falando de pesos e medidas na casa de minha avó de minhas tias e até hoje algumas de minhas tias mais velhas ( muito mais velhas) mas que ainda fazem quitandas essas medidas são usadas, vou citar os nomes e de uma proxima dou a tradução , vou até colocar uma receita e depois faço a tradução .
vamos lá

DOCE DE LEITE

Uma quarta de leite
meia quarta de acuçar lavado
tacho bem ariado
deixa no fogo do cafe ate a merenda
antes de tirar o ponto coloca um limão china

da pra entender ???????????
depois eu traduzo !!!!!!!!!!!!

Tente traduzir para as medidas de hoje

uma quarta
meia quarta
uma chavena
uma colher de lata
100 mil reis
um litro
um prato no risco
11 de maio de 2009

VAMOS ENTÃO COMEÇAR A DECIFRAR NOSSAS MEDIDAS
14 de maio de 2009
UMA QUARTA:
Na época dessa medida não se usava balanças , nas atividades domésticas ou na barganha de produtos entre pessoas da época (estamos falando dos anos 40 no interior de minas )
então a quarta eram as latas de querosene ,hoje é semelhante as latas de óleo de 18 lts.Tenho em um caderno de receitas de uma tia -avó , anotações que transcrevo :
"Buzica(nome de uma prima de minha avó)levou uma quarta de banha , vai me devolver em duas quartas de polvilho " , aqui cabe uma nota - "banha , era a gordura limpa derretida do toucinho do porco "usada para fazer carne de posta ,ou seja na epoca da falta de refrigeração as carnes eram conservadas em gordura , hoje esse processo é chamado de "confit".
em uma proxima vez esse trecho de nosso assunto vai merecer uma explicação" CARNE DE POSTA", eu particularmente faço de vez em quanto , vou contar um pouco do que presenciei ainda muito criança do dia de" preparar a carne de gado".

Então até o proximo :pesos e medidas tem muito assunto nessa algibeira!!!!!!!!!!!!

22 de maio
Tirando um assunto de nossa algibeira , ou melhor continuando o assunto anterior:
Preparar a Carne de Gado .
Nas casas de fazenda matava-se um boi ou vaca para alimentar a casa por pelo menos 3 meses, esse animal era "cevado" ou seja engordado para trazer boa carne para a despensa ( local onde se guardava as quartas com a carne).
Antes desse dia preparava-se um "capado " o porco que quando pequeno era castradao para engordar e criar a gordura ou banha .
essa gordura era separada da carne derretida nas tachas e guardadas para então conservar as carnes de boi ou vaca e tambem a propria carne do porco .
os quartos da vaca eram pendurados na casinha ,um local fechado e reservado para essa função , ali permanecia por algumas horas para escorrer todo o sangue e esfriar a carne.
Começava o trabalho das mulheres da casa , separar os pedaços de carne pela nervura ou musculatura , saindo então os pedaços que eram recheados com a carne de porco bem temperado com muito sal e pimenta , daí essas postas ou pedaços iam para a tacha onde a mistura água e gordura faz o trabalho de cozinhar e depois fritar , quando pronto esses nacos de carne eram guardados nas quartas cobertos de gordura , e que iria abastecer a casa ,de carne por muitos meses.( esse processo hoje ainda usado na gastronomia com o nome de confit).
os miudos ( coração rim, bucho ,rabada )eram preparados , para a alegria de todos os peões e moradores , o restante que não se aproveitava como o pulmão , sebos eram derretidos , misturados em cinza e soda para preparar o sabão .
das patas se fazia a geleia de mocoto - doce de sabor inigualavel e muito nutritivo , colágeno puro !!!!!!!!
Fazendo Hoje Uma Carne De Posta
- compre um pedaço de carne que pode ser músculo , cupim, palheta, acem .
- esse pedaço deve ter mais ou menos uns dois quilos .
- prepare uma generosa porção de sal - umas 3 colheres- pique 4 dentes de alho ,uma colher de pimenta do reino ,um pedaço de bacon bem picado ou gordura de porco tipo para torresmo misture bem .
- faça buracos com a ponta da faca na peça de carne e coloque essa mistura no interior da carne
passe o restante do sal por fora da carne .
- coloque esse pedaço de carne na panela de pressão
-coloque óleo ou um pedaço ( mais ou menos metade ) de banha de porco que hoje compramos o supermercado , industrializado tem marcas como perdigão , rezende , frimesa ,que são boas.essa gordura ou oelo deve estar ate a metade do pedaço da carne
- cubra a carne com água
- tampe a panela , e depois que pegar a pressão , deixe cozinhar por uma hora
- desligue o fogo espere sair a pressão e abra a panela .
Ligue o fogo e deixe em fogo brando por mais ou menos 15 minutos ela vai fritar um pouco na gordura .
Tire da panela fatie e sirva .
Para armazenar e servir quando quiser
Se quiser guardar , faça-o na propria gordura dentro de uma tigela funda .
pode guardar sem susto por uma mes ou mais .
- quando quiser preparar para servir pode cortar fatias de acordo com o numero de pessoas ou faze-la toda
Para esquentar
Coloque numa panela com um pouco da gordura e agua , ela vai ferver e depois começar a fritar ai esta no ponto de colocar em uma travessa e servir , nessa hora de esquentar pode colocar umas rodelas de batata e vai servir de acompanhamento
essa gordura que sobra a gente chama de borra que pode entrar no preparo de sopas ou de feijão ,substituindo o oleo que colocamos .
não é dificil de preparar e vc sempre tem um acompanhamento pronto , para sanduiches é delicioso , o sabor dessa carne é muito bom , para acompanhar massas ou saladas.
não é um produto de ruim colesterol pois a banha de proco é uma gordura saudável para nossao organismo , logico que não fazemos isso rotina do dia a dia.
voce pode fazer esse preparo com carne de porco , com carne em pedaços (grande) , se a carne for em pedaços menores a gente passa o tempero por fora . a carne fica muito macia e saborosa
bem hoje falamos da carne de posta e de quarta ,
imagina nas casas daquele tempo as guartas limpas e areadas guardadas na despensa cheias dessa iguaria , minha avó preparava e a gente comia com mandioca cozida ," desfiando a carne " sim porque conforme o corte sai aqueles fiapos longos , saborosos e macios , as sopas e engrossados com farinha de milho que resultava dessa borra era outro deleite para nos.............
Nosso proximo assunto de algibeira vai ser o doce de leite vou traduzir a receita acima para nosso tempo de hoje , venham se deliciar!

Barrinha MaynaBaby

31/05/2009

TRADUÇÃO DA RECEITA DO DOCE DE LEITE

A receita de minha avó descrita aqui nas medidas de hoje ficaria assim:

18 lt de leite (uma quarta)

6 a 8 kg de açúcar ( meia quarta)

Deixar no fogo do café até a merenda bem o café da manhã era por volta das 5 hs a merenda 2hs da tarde ,então umas 6 horas de fogo baixo no tacho de cobre, AREADO que quer dizer que pegamos areia branca do riacho , sal limão galego (china) passamos bem dentro dele essa mistura e aquecemos no fogo esfregando uma bucha de palha de milho seca , isso tirava o zinabre do cobre.

UMA RECEITA BEM PRATICA DE HOJE :

Uma lata de leite condensado colocar em uma tigela de louça levar ao micrrondas na função determinada de cada aparelho- modelo. Só posso garantir que a da minha avó era muito boa, eu hoje faço a receita pela metade , os ingredientes, pois tenho esse tacho ainda pendurado em cima de meu fogão , a lenha lógico!

11 de mai de 2009

coisas de belem , as farinhas e tapiocas e a mansidão do rio guama





















Cheguei de belem ontem , que fica nas beiras do rio guama , decheiro e cores inconfundiveis , andei pelo ver o peso , cheirei o cheiro dre suas raizes , pimentas e tambem suas comidas , hoje vou descrever uma em particular , uma sobremesa dos deuses ou melhor das coisas daquela terra.

SORVETE DE TAPIOCA COM GOIABADA

- derrete um bom pedaço de goiabada e coloca em um prato
- coloca uma colher de requeijão por cima
- deitar em cima desse simpatico e apetitoso casal uma bola de sorvete de tapioca

o quente da goiabada casado com o gelado do sorvete e para quebrar aquele doce o requeijão , só vai faltar o visual das manqueiras balançando e do rio guama com toda sua preguiça dançando no aparador , e eu me encanto cada dia mais com esse canto de nossa terra.

Tambem vai fazer falta o casal de amigos paraense Renato e Adriany que me remetem na estoria de minha adolescencia pois la estive ha 30 anos , curtindo os arroubos pp. da idade.


Barrinha MaynaBaby


BELEM DO PARA

semana passada estive outra vez em Belem , sempre vou a trabalho mas nunca deixo de lado as delicias daquela terra, seu cheiro denso que se perde nas lembranças ou melhor que entra no coração e faz sair dele o suspiro de uma saudadde. As vezes ,sentada de frente para o rio no cais do ver o peso , ou debruçada na marquise atras das barracas de suas tipicas comidas ,consigo sentir minha mocidade , meus anos de amores perdidos no tempo ,as promessas de um amor que o tempo se encarregou de guardar bem no fundo do bau de recordações, era o ano de 1975 , eu la estava vivendo meu primeiro grande amor , dançava carimbó em rodas alegres e coloridas , comia tacaca na madrugada da praça do teatro da Paz, , amarrava saquinho de cheiro na beirada da saia , enchia a bolsa de cheiro do Para , comia mangas que caia na rua , tudo sem o compromisso que hoje me faz voltar aquela cidade ,o unico compromisso naqueles finais de semana em que ia a Belem era o de viver , beijar , estar feliz ,tomar cerpinha , tacacá, dançar numa roda de carimbó , casquinha de caranquejo no bar dos canhões, ver o por do sol no rio , debruçada no ver o peso ...........................................Não tenho mais o fim de semana para falar de amor , mas aindafalo do meu amor por essa cidade e seus lugares................................







hoje vou falar do filhote ao molho de tucupi






Essas coisas são muito serias e tem todo um ritual a ser cumprido .esse peixe chegou cedo de madrugada no Ver o peso , não tem nada de congelar ,carregar em sacos ,viajar kms , nadica ele sai do rio e vem para essa panela , sem aquele cheiro e gosto de peixe rançoso , não posso trazer essa paisagem mas vou dar essa maravilha de receita , que qualquer paraense espalhado pelo mundo ou da cidade sabe fazer e vai recordar aqui .
pegamos o filhote ou pescada amarela e cortamos pedaços generosos ,
tempera com sal , folhas de chicoria , pimenta de cheiro
passa na farinha de trigo e frita
numa panela colocamos o tucupi com folhas de jambu , sal ,para ferver , no ponto colocamos as fatias grossas de cebola
colocase os pedaços de peixe frito quando o olho estiver no ponto e a cebola amolecida sem cozinhar demais ,
podemos colocar batatas cozidas tambem para ferver nesse molho .
e esta pronto
o cheiro é um poema , o gosto não consigo descrever , é uma combinação perfeita desse bouquet de aroma ,
não coloco arroz , nesse caldo que abocanho as colheradas por vezes uma farofinha que só no para consigo comer igual, e aí a cerpinha gelada vai refrescando a boca do sabor do jambu , se é que precisa refrescar alguma coisa...................................alias a ardencia do jambu é algo excitante ............para fazer querer comer mais e mais .
Não podemos esquecer da paisagem a linda e pacata cidade de Icoaraci , quase um bairro de Belem , com o rio serpentiando preguiçosamente ao nosso redor , e depois desse prato é dificil chegar ate o hotel para dormir o sono dos justos......................
ate a proxima viajem a belem
vou falar de um peixe que comemos de pé nas barracas do ver o peso as 10 h da manha é isso mesmo é como um cafe da manha ..........no Para










Meus Vídeos

Loading...